domingo, 30 de novembro de 2008

Poemas de Rosimeire Rodrigues Cavalcanti

Rosimeire Rodrigues Cavalcanti
.
.
Busca
.
Buscou no céu
Uma estrela
Retornou com as mãos
Cheias de vento.

.
Da estrela, o peso
Ausência de forma
Luz e cor.
Cansou de buscar
Sua estrela.

.
Acomodou no ser o vento
Descrente no amor
Sem querer, nem poder ter...
No céu, uma estrela.
.
.
Espera
.
Estrela-guia
guiada, guiando
o nômade errante,
vida sem rumo,
rumo sem eu.
Contrapondo o ponto
sem pranto
vazia, esperança-guia
a esperar quer ser
embora sem ter,
da estrela-guia
a luz.
.
Rosimeire Rodrigues Cavalcanti é médica, com especialização em psiquiatria, professora universitária, diretora do Hospital Escola Portugal Ramalho. Os poemas acima fazem parte do livro publicado em parceria com seu irmão Roberto Antonio Rodrigues, "Dois poetas - Algumas poesias" (Editora Catavento, Maceió-AL, 2006).

3 comentários:

Anônimo disse...

Dra. Rosimayre é demais, em todos os sentidos. Como ex-doido e paciente dela, posso provar sua competência. Hoje estou vendo suas poesias que são muito bonitas. Parabéns, minha doutora-poetisa.
Carlos dos Santos Silva

Lys disse...

Dra.Rosemayre,
Não sabia deste lado poético.Escreve com sensibilidade, pureza,com uma leveza de coração e alma.Parabéns! Já sou sua fã.Um abraço,
Lys

Marília Rodrigues Alencar disse...

Lindos poemas! Amei! Parabéns! Mostrando realmente a "veia artística" dos irmãos Rodrigues Cavalcanti!